Exposição Temporária: “Composições – Uma história fotográfica do Jazz em BH”

0 Comentários

07/01/2020 às 10:45

Circuito de Jazz apresenta: Composições – Uma história fotográfica
do Jazz em BH

De 08 de janeiro a 15 de fevereiro no Museu de Artes e Ofícios em Belo Horizonte, o fotógrafo
mineiro Leonardo Ramos apresenta “Composições – uma história fotográfica do Jazz em BH”.
A exposição, como o nome sugere, é uma experimentação de linguagens fotográficas e formas
narrativas da história do Jazz na capital mineira. “Uma história nunca antes registrada e que
visa construir uma linha imagética/diegética sobre a qual se sustente um acervo fotográfico do
Jazz que acontece em bares de Belo Horizonte, remontando às origens do estilo em clubes nos
Estados Unidos”, explica Lenardo. O trabalho retrata também o artesanato cotidiano dos
instrumentistas que mantêm o Jazz vivo e popular para além do movimento organizado dos
festivais ou do acesso restrito dos teatros. A entrada para exposição é gratuita.

Com formação em Música e Literatura, o fotojornalista Leonardo Ramos tem ambas as
principais influências para a incursão no mundo da fotografia urbana. Atuante na cena musical
belorizontina entre os anos de 2005 e 2016 em diversas bandas autorais, passou a compreender
como o registro fotográfico é importante para a memória cultural das cidades: além da
consequência dos processos artísticos vivenciados, fotografar é também a escolha de um
caminho a ser construído. É sua primeira exposição fotográfica.

“Há não mais que vinte anos, existe um movimento organizado, de festivais como o Savassi
Jazz, BH Jazz e I Love Jazz, que busca re-popularizar o estilo, trazendo nomes de grande
destaque no cenário musical brasileiro e internacional para tocar em praças e locais públicos
gratuitamente. Porém, há muito mais tempo, os músicos da cena belorizontina estão,
diariamente, executando e construindo o Jazz como ele é: um ritmo popular, urbano e acessível.
Célio Balona, Chico Amaral, Toninho Horta, ao lado de uma geração que acaba de chegar, com
nomes como Felipe Vilas Boas, Gabriel Bruce e Deangelo Silva, são alguns dos músicos que
participam dessa construção. ”, explica Leonardo Ramos.

Abertura

O lançamento da exposição terá apresentação do Projeto Quarta Jazz que é formado por: João
Machala, Breno Mendonça, Gabriel Bruce, Aloísio Hora e Expedito Andrade. E marca também
o lançamento digital do Circuito de Jazz. O Circuito é um mapeamento da cidade em busca de
estabelecimentos que abrem suas portas para o jazz, e tem como intuito promover um roteiro
turístico da cultura jazzística local. Instagram: @circuitodejazz

“Em Belo Horizonte há em torno de 30 casas que têm o jazz em suas programações”, cita Karla
Danitza, idealizadora e coordenadora do projeto. A campanha para lançamento e promoção do
Circuito de Jazz é uma parceria com o Savassi Festival. Em 2020, o Fotografe o Jazz, edital
que compõe a programação do festival, será lançado na exposição, como convite à expansão
dos olhares para o jazz que circula na cidade.

Ainda como programação da exposição e de olho na cena local, no dia 1º de fevereiro, sábado,
o Bloco Magnólia faz um ensaio aberto no Hall do Museu. Inspirado nos cortejos de Jazz de
Nova Orleans, o Magnólia nasceu em Beagá e já é programação garantida no carnaval da
cidade.

SERVIÇO

De 08 de janeiro a 15 de fevereiro
Galeria L – Sala 4
Pça. Rui Barbosa 600 (Praça da Estação) Centro | Belo Horizonte MG

Abertura dia 08 de janeiro às 11h com apresentação do Projeto Quarta Jazz que é formado por:
João Machala (trombone), Breno Mendonça (sax), Gabriel Bruce (bateria), Aloísio Horta (baixo)
e Expedito Andrade (guitarra).

Ensaio aberto para o carnaval
Bloco Magnólia
1º de fevereiro, sábado às 14:00, no hall do Museu.

Realização
Circuito de Jazz

Apoio Institucional
Museu de Arte e Ofícios – MAO

Parceria
Instituto Cidades Criativas – ICC e Savassi Festival

Apoio Cultural
Aqui-Ó Jazz
ArtWork
Bloco Magnólia
Cervejaria Sátira
Marcos Lopes
Projeto Quarta Jazz



Envie seu Comentário

Seu email não será divulgado. Os campos marcados com * são obrigatórios.

+ 84 = 90